Dicas

iPhone: iOS 14 exibe uma notificação quando você é chamado, igual o recurso do Android

Durante as chamadas, os iPhones com iOS 14 agora exibem uma notificação em vez de interromper sua atividade atual com uma tela em tela cheia. Um recurso que existe há algum tempo no Android.

Com o iOS 14, a Apple novamente dá a impressão de inovar no iPhone e iPad. A empresa revisou vários pontos da interface, exceto que muitas das inovações apresentadas lembram coisas que há muito tempo são a norma no Android. Começando com a tela inicial do iPhone: um ponto na experiência do usuário que mudou muito pouco desde o primeiro iPhone.

A Apple revisou essa tela para permitir a inserção de widgets como inserções remanescentes de widgets que você pode já podia colocar no android. A “Biblioteca de aplicativos”, que armazena seus aplicativos, lembra vários elementos da experiência do Android, como a gaveta do aplicativo.

Mas há também outra novidade apresentada pela Apple como algo muito inteligente: quando o iPhone no iOS 14 recebe uma chamada, uma notificação é exibida no lugar do alerta de tela cheia que interrompe todas as suas atividades atuais .

É fácil aceitar a chamada, rejeitá-la ou simplesmente dispensar a notificação e redirecionar o chamador para a secretária eletrônica com um toque.

Essas notificações não é uma invenção da Apple

Receber chamadas em notificações não é novidade no Android. Quase todos os celulares recentes oferecem isso, incluindo o Pixel 4XL, que nos faz pensar que é um recurso do Android e não uma adição dos fabricantes em sua sobreposição.

Além do OnePlus e do Google, as chamadas aparecem como notificações nos mais recentes smartphones da Huawei, como o P40. Deve-se notar, no entanto, que nem todos os proprietários de smartphones Xiaomi também tem esse recurso. De qualquer forma, o fato de a Apple estar adaptando os pontos fortes da experiência do usuário do Android é uma ótima notícia.

Os dois sistemas operacionais têm qualidades inegáveis, algumas delas próprias, e adaptam as funcionalidades do ecossistema concorrente (o inverso é verdadeiro, sabemos em particular que o Google está trabalhando em um recurso que a Apple já tem, no compartilhamento de arquivos AirDrop, por exemplo) só pode beneficiar os usuários. O que você acha? Compartilhe sua opinião nos comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *