Dicas

Incêndios residenciais: principais causas e como se prevenir

Anualmente o corpo de bombeiros registra milhares de chamadas em combate ao incêndio doméstico, por mais que existam milhares de razoes para que tais incidentes ocorram, muitas vezes você pode evitar tal acontecimento com simples cuidados em sua residência.

Comumente os incêndios domésticos são causados por maus hábitos e mau uso dos equipamentos de sua casa, sendo assim você pode evita-los facilmente mudando alguns hábitos que você e os residentes de sua residência possam ter e lhe coloquem em risco.

Principais causas de incêndio

Descubra as principais causas dos incêndios residenciais e como evita-las:

  • Instalações elétricas e falta de manutenção:

    O descuido das instalações elétricas de uma residência é uma das principais causas do incêndio residencial; os mesmos precisam de atenção desde a escolha de equipamentos de boa qualidade e instalação. O sistema elétrico de sua casa não deve ser escolhido apenas pelo fator preço, neste caso o barato pode causar grandes problemas.

    Após a instalação é importante que você realize manutenções periodicamente no sistema, instalações elétricas muito antigas podem não suportar as cargas de energia que eletrônicos mais modernos dissipam.

    Evite a sobre carga de circuitos elétricos com o uso abusivo de “Ts” / réguas, ao conectar diversos aparelhos numa mesma tomada você estará consumindo muita energia ao mesmo tempo sem saber até que ponto os circuitos irão suportar.

  • Botijões de gás:

    Preferencialmente os botijões de gás devem ser instalados no lado externo de sua residência, evitando locais fechados tendo em vista o risco do vazamento de substâncias podendo causar incêndios e até explosões.

    Se possível substitua o uso de botijões por gás encanado, os mesmos possuem uma segurança muito maior comparado aos tradicionais botijões.

  • Carregadores de aparelhos:

    Os tradicionais carregadores de celulares são um grande causador de incêndios; certifique-se de sempre utilizar peças e componentes originais e de qualidade nos carregadores, ao substituir por replicas ou marcas mais baratas você corre o risco de adquirir um acessório incompatível e consequentemente causar um super aquecimento no seu aparelho e no próprio carregador.

  • Eletrônicos:

    Os aquecedores elétricos e a óleo devem ser mantidos em locais isolados e com distancia de moveis como sofás e cortinas, evite utiliza-los muito perto de sua cama e certifique-se sempre de desliga-los antes de dormir.

    Lembre-se de retirar aparelhos com alta potencia como ferros de passar e secadores de cabelo das tomadas, por mais que estejam desligados é importante que sejam retirados das tomadas logo após seu devido uso, antes de guarda-los em locais fechados espere um momento para que eles resfriem, jamais os guarde ainda quentes.

  • Cigarros:

    Cigarros quando não apagados corretamente podem ocasionar grande incêndios, principalmente de descartados em gramas ou lixeiras com papel, para evitar isso certifique-se de apagar seu cigarro corretamente em cinzeiros.

 

Classes de incêndio

Os diferentes tipos de incêndio são divididos em cinco diferentes classes, as mesmas são divididas conforme os materiais combustíveis e quais serão os produtos usados para combater o incêndio em questão.

Incêndio classe A:

Incêndios que acontecem em materiais como papel, madeira, algodão e borracha, formando cinzas e carvão como resíduos.

Incêndio classe B:

Esta classe envolve incêndios que foram causados apenas por materiais líquidos e gasosos, como por exemplo a gasolina, querosene, botijões de gás, entre outros.

Incêndio classe C:

Incêndios ocasionados por equipamentos elétricos que estavam por receber energia, comumente ocasionado por quadros de energia, computadores, motores e geradores.

Incêndio classe D:

O incêndio da classe D é “menos” conhecido e não muito comum em ambientes residenciais, eles são causados por metais como magnésio, zinco, urânio, entre outros.

Incêndio classe K:

Esta classe de incêndio comumente acontece em residências, aqui entram os incêndios que são causados por óleo/gordura de cozinha ao manuseá-los de forma incorreta em frigideiras e assadeiras por exemplo.

Tipos de extintores

Os extintores apesar de todos terem a função principal de acabar com um foco de incêndio não são todos iguais, ao contrário, é necessário ter o conhecimento de qual tipo de extintor usar para cada situação, do contrario você pode até mesmo acabar piorando a situação do ambiente.

Como usar extintor

Bom, existem cinco principais tipos de extintores e com eles você conseguirá acabar com o foco de incêndio, confira como usar cada um dos tipos:

  • Extintor de CO2:

    Recomendado para incêndios do tipo A, B e C, pode ser utilizado em substancias combustíveis, fiações e eletrônicos.

  • Extintor de Pó químico:

    Pode ser usado em incêndios classe B que sejam causados por líquidos inflamáveis.

  • Extintor de água:

    Utilizado em incêndios classe A causados por madeira, papel, borrachas e plásticos.

  • Extintor de espuma:

    utilizado em incêndios classe A e B causados por líquidos inflamáveis e objetos sólidos.

  • Acetato de potássio diluída em água:

    Utilizado em incêndios de classe K.

Ao frequentar lojas você também pode se deparar pelos extintores sendo separados em três classes, são elas:

  • Classe A: Para incêndios causados por materiais combustíveis e sólidos.
  • Classe B: Para incêndios causados por líquidos e gases inflamáveis.
  • Classe C: Para incêndios causados por equipamentos e instalações elétricas.

Manutenção de extintores

Como por muitas vezes (felizmente) os extintores não são utilizados as pessoas os compram e acabam o esquecendo guardados; entretanto é de extrema importância que seja realizada a manutenção dos mesmos, é isto que irá garantir que o extintor lhe seja útil em caso de incidentes, para isso verifique alguns detalhes a se observar perante seus extintores:

Condições do extintor:

Inicialmente é fácil reparar se há algo de errado com seu componente, verifique se não há partes amassadas, enferrujadas ou descasando, observe a válvula e lacre de seu extintor garantindo que os mesmos estão em perfeitas condições. Caso veja algo de errado procure por manutenção ou substitua seu produto.

Validade:

Normalmente os extintores possuem validade de 5 anos contando a partir da data de sua fabricação; sendo assim se você possui um extintor que ultrapasse essa data de cinco anos ao invés de realizar a manutenção opte pela troca do mesmo.

Recarga:

Quando você utilizar seu extintor mesmo que por poucos segundos e tenha “certeza” de que “não gastou muito” opte mesmo assim pela recarga do mesmo; também é necessário fazer a recarga após deixar o extintor por muito tempo sem uso, o tempo parado pode fazer com que o conteúdo do mesmo seja comprometido. O processo de recarga é feito por um especialista e com a utilização de produtos específicos.

Empresa de manutenção:

Os detalhes mencionados acima são apenas uma parte do processo de manutenção de extintores, se você quer contar com um serviço que garanta a qualidade e segurança total de seus equipamentos o ideal é contratar empresas que contenham o serviço especializado de manutenção de extintores. Elas irão realizar testes específicos e realizar manutenções preventivas regularmente em seus equipamentos.

Estatísticas incêndios residenciais

Segundo dados da Folha de São Paulo as estatísticas “oficiais” do número de incêndios residenciais não podem ser usadas como parâmetro, se é estimado que menos de 1% dos casos de incêndio (envolvendo residenciais e florestas) sejam constados nos sites oficiais dos ministérios. No ano de 2019 por exemplo estima-se que cerca de 300mil incêndios foram contabilizados entre casas e florestas, entretanto o site do ministério regista apenas 56 incidentes.

Prevenção de incêndio

Agora que você já conhece as diferentes classes de incêndio e os extintores específicos para cada situação, nada melhor que contar com os serviços especializados da EMATEC contra a prevenção de incêndio! Empresa especializada em extintores em Curitiba e ainda conta com serviços especializados de instalação e manutenção para seus equipamentos, conte com nossos serviços e produtos e garanta a segurança que sua família e residência necessitam em caso de possíveis incidentes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *