Receitas saudáveis, guisado de ervilhas e aspargos com acelga

As ervilhas são ricas em vitamina C e ácido fólico, também têm de ferro, fósforo, hidratos de carbono, fibra e proteína de ervilhas são benéficos para a saúde, e que  aliviar a prisão de ventre,  previne o cancro , prevenir apendicite, reduzir os níveis de Colesterol LDL e são bem conhecidos pelas suas propriedades anti-fertilidade.

Essa é uma receita ideal para quem esta em uma dieta de 1000 calorias.

Receita de guisado de ervilhas com espargos e acelga .

Ingredientes para 2 pessoas :

  • 150 grs de ervilhas.
  • 2 folhas de acelga.
  • 50 gramas de cebola fresca.
  • 1 dente de alho
  • 1/2 copo de vinho branco
  • 1/2 copo de água
  • 1 ramo de cebolinha
  • 2 colheres de sopa de azeite virgem.
  • Sal.

Preparação :

Pique o cebolinho e o alho e cozinhe em uma panela em fogo baixo.

Pique as folhas da acelga em tiras, quando a cebola está prestes a adicionar os espargos em varas, as ervilhas e as folhas de acelga em tiras.

Quando as ervilhas estiverem fritando adicione o vinho e deixe reduzir pela metade, adicione a água e deixe ferver por 5 minutos.

Sirva quando as ervilhas estiverem prontas.

Receitas com leguminosas de baixa caloria

Os vegetais oferecem uma ótima qualidade nutricional e com eles você pode fazer muitos pratos deliciosos e rápidos. Estas receitas  com leguminosas fornecem energia suficiente sem muitas calorias.

Preparação de receitas com leguminosas

Salada de feijão verde (250 kcal por porção)

Ingredientes:

  • 1 lata de feijão verde cozido.
  • 1 tomate
  • meia pimenta vermelha
  • salsa esmagada.
  • vinagre .
  • azeite de oliva.
  • 1 dente de alho .
  • pimenta e sal.

Método de produção:

Escorra o feijão verde e corte o tomate e pimenta em cubos pequenos, misture-os. Despeje o óleo, o alho moído e o vinagre em uma tigela separada. Despeje esta preparação sobre o feijão e tempere a gosto . Remova tudo junto e sirva.

Creme de ervilha (200 kcal por porção)

Ingredientes:

  • 500 grs. de ervilhas.
  • 200 cc. de molho branco.
  • gema de ovo.
  • azeite de oliva.

Método de produção:

Em uma panela com água e sal, cozinhe as ervilhas por aproximadamente 5 a 7 minutos. Depois de cozidos, escorra-os e adicione 1 copo de água para cozinhar, o molho branco, a gema de um ovo e uma colher de azeite ; processá-los e adicione se necessário mais sal e água para evitar que a preparação não seja densa. Sirva quente em caçarolas individuais.

Pacientes com câncer e médicos nem sempre discutem a saúde sexual

O câncer e seu tratamento podem levar a uma série de problemas sexuais, como disfunção erétil (DE) para homens e intercurso sexual doloroso para mulheres. E problemas sexuais podem ocorrer mesmo se o câncer não afetar uma área do corpo tipicamente associada ao sexo.

Infelizmente, a saúde sexual nem sempre é um tema de discussão entre profissionais de saúde e pacientes com câncer.

Em uma pesquisa recente com 4.181 pacientes com câncer na França, cerca de 55% dos entrevistados disseram que ninguém em sua equipe de saúde havia iniciado essa discussão.

Os participantes foram entrevistados cerca de dois anos desde o diagnóstico de câncer. Eles tinham entre 18 e 82 anos de idade. Quarenta e oito por cento eram homens; 52% eram mulheres.

Pouco menos de um quarto dos entrevistados disseram que falaram sobre saúde sexual com um médico. Vinte e dois por cento disseram que não queriam discutir isso. Os pacientes mostraram uma maior relutância em falar sobre isso à medida que envelheciam.

Conversas sobre saúde sexual foram mais comuns em pacientes com câncer de próstata e cervical.

No geral, as mulheres eram menos propensas do que os homens a ter uma discussão sobre saúde sexual com seu médico, mas eram mais propensas a iniciar a discussão por conta própria.

O estudo foi publicado online em setembro de 2016 no Journal of Sexual Medicine.

Se você ou seu parceiro estiverem com problemas sexuais devido ao câncer, não hesite em falar com seu médico. Provavelmente, existem maneiras de gerenciar seus sintomas para que você possa desfrutar de intimidade novamente.

The Journal of Sexual Medicine

Charif, Ali Ben, PhD, et al.

Fonte https://www.treinart.com.br/como-engrossar-o-penis/

“Discussão de pacientes sobre saúde sexual com profissionais de saúde após o câncer – uma pesquisa nacional”

(Texto integral. Publicado pela primeira vez em linha: 26 de setembro de 2016)

Esfoliantes caseiros e naturais

Esfoliantes ajudam a manter a pele limpa e livre de impurezas. Eles também eliminam as células mortas. Esfoliação melhora a textura da pele, desobstrui os poros e pode reduzir a aparência de linhas finas e rugas.

Se você não tem dinheiro para comprar um bom esfoliante como o liftmax, você pode fazer o seu próprio. Siga as receitas que mostraremos a seguir para fazer seu próprio esfoliante natural caseiro

É importante sempre umedecer a pele antes de esfoliá-la para evitar danificar os capilares.

Receitas de esfoliantes naturais para a pele

Café como um esfoliante

Adicione um pouco de café a um creme de limpeza. Umedeça o rosto e aplique com movimentos circulares. Lave com água morna.

Esfoliante de leite e aveia

Misture bem 2 colheres de sopa de leite em pó, meia xícara de aveia moída e uma colher de chá de amido de milho. Adicione a água pouco a pouco até formar um pequeno pastito. Deixe a mistura repousar por um minuto. Aplique a mistura no rosto e pescoço com uma massagem. Lave com água.

Esfoliação de grânulos

Faça uma pasta com meia xícara de granola misturada com um pouco de água quente. Umedeça o rosto e aplique-o na pele com movimentos circulares. Lave com água morna.

Esfoliação com linhaça e mel

Para manter os cotovelos e joelhos macios e bonitos, misture 1 xícara de mel com 1/2 copo de água morna. Adicione 25 gramas de semente de linhaça e mexa até obter um pastoso. Coloque o macarrão na geladeira por três horas. Esfregue seus cotovelos e joelhos com a pasta e deixe agir por três minutos. Lave com água destilada.

Esfoliação natural de açúcar mascavo

Misture um pouco de açúcar mascavo com creme de limpeza. Com o rosto úmido, aplique a mistura com movimentos circulares. Lave com água morna.

Açúcar e limão para esfoliar a pele

Coloque duas colheres de sopa de açúcar em um copo e adicione o suco de meio limão. Depois de lavar o rosto, com o rosto ainda molhado, aplique a mistura no rosto em movimentos circulares. Deixe por 5 minutos e lave com água morna.

Esfoliação de limão para renovar a pele

Soro de leite e sal

Misture o leitelho com sal de mesa até obter um creme pastoso. Umedeça o rosto e aplique a mistura com movimentos circulares. Este esfoliante natural ajudará a  reduzir os poros abertos.

Esfolie a pele com mel e aveia

Misture um quarto de xícara de farinha de aveia com uma colher de chá de mel. Depois de lavar o rosto, com o rosto ainda molhado, aplique a mistura e deixe agir por 15 minutos. Lave com água morna.

Esfoliante natural de açúcar e azeite

Misture 1/4 xícara de açúcar com 3 colheres de sopa de azeite. Aplique em todo o corpo com uma massagem circular durante o banho.

Esfoliação de Rosa Mosqueta

Esta esfoliação é especial para remover os pés de galinha. Tome uma colher de rosehips secos em 1/2 xícara de água fervente. Deixe descansar por 15 minutos e deixe esfriar. A infusão é aplicada aos pés de galinha com os dedos e deixada por 3 minutos. Retire com um pano molhado.

Esfoliante para cravos

Eu estava lendo em um livro que a cola branca, por exemplo, a marca Elmer, faz o mesmo trabalho que as tiras que vendem nas lojas para obter pontos pretos.

Coloque um pouco de cola no ponto preto e deixe secar. Então ele puxa e vem com tudo e o clavillo! Além disso, a borracha branca também é um bom esfoliante natural se você colocar uma fina camada na pele, deixar secar e puxar com cuidado.

A Alimentação na China

Muitas leitoras leram os textos “Dieta Yin e Dieta Yang” e “Dieta do Tao” e fizeram um questionamento muito pertinente a respeito da alimentação na China, supondo que os pratos que compõem o cardápio chinês tenha a capacidade de ser a dieta perfeita para eliminar peso e manter-se magra. Embora provida de lógica, não de pode reduzir a alimentação na China a um único menu pois assim como o Brasil, a China tem dimensões continentais. O que torna a pesquisa do assunto bem mais interessante!

Os diversos estilos de cozinha na China

A alimentação na China é tão variada quanto suas dimensões continentais. O que escreverei é uma simplificação para que a compreensão seja maior, mas pode-se dizer que a culinária chinesa é muito rica e diversa em suas regiões. Acompanhe.

O norte da China é o reduto dos pratos feitos com base nas massas. Pães, pastéis e macarrão formam o cardápio, geralmente cozidos ou assados no vapor, e o uso do óleo, alho e vinagre são acentuados.

Os chineses do sul preferem os sabores apimentados, frescos e adocicados. O arroz é a matéria-prima de diversos pratos, salgados e doces, feitos nessa região.
Em comum, o norte e o sul têm o cuidado de proporcionar uma variedade visual e sensorial aos pratos mais consumidos em cada região. Essa variedade vem da crença milenar chinesa que prega a prevenção e cura de males através da alimentação.

A alimentação na China como terapia alimentar

Os chineses levam muito a sério o valor da alimentação na prevenção e até mesmo na cura de algumas enfermidades. Desde tempos remotos existe uma ligação entre os sabores e cores que o alimento tem e as suas funções nos órgãos humanos. Veja abaixo um exemplo simples desta equação:

Quanto ao sabor

Sabor amargo – auxilia o coração.
Sabor picante – auxilia os pulmões.
Sabor doce – auxilia a excreção hormonal do baço e do pâncreas.
Sabor ácido ou azedo – auxilia o fígado.
Sabor salgado – auxilia os rins.
Quanto à cor

Verde – Fígado.
Preto – Rins.
Branco – Pulmão.
Vermelho – Coração.
Amarelo – Baço e pâncreas.

A alimentação na China já levava em consideração valores que só foram cientificamente comprovados no Ocidente séculos depois. Caso você esteja interessada em saber mais sobre terapia alimentar chinesa, procure criteriosamente os profissionais que se utilizam destes métodos juntamente com o nutricionista de sua confiança.

Cobertura de Seguro Viagem para prática de esportes

É bem comum que o praticante de uma modalidade esportiva viaje para o exterior, seja por motivos de competição profissional ou mesmo para seu lazer pessoal. Muitas vezes os esportistas, principalmente os ligados em esportes radicais, buscam os melhores destinos para a prática de seu esporte. O que acaba levando esses viajantes para os quatro cantos do mundo.

É essencial pensar em um seguro viagem para o viajante esportista. A atividade física por si só já é um risco de acidentes. Uma viagem para a prática de esportes no exterior, sem a assistência de seguro viagem para o turista esportista é impensável.

Cobertura de Seguro Viagem para prática de esportes

Os destinos mais buscados para prática de esportes radicais

  • Nova Zelândia

A Nova Zelândia é o principal destino para os praticantes de esportes radicais. O país oferece as mais diversificadas atividades radicais. Devido à sua diversidade geográfica que vai de montanhas com neve até praias paradisíacas, a Nova Zelândia é o cenário ideal para muitos esportes radicais. As mais comuns são:

  • Voo Livre;
  • Escalada;
  • Rafting;
  • Bungy Jumping;
  • Snowboarding;
  • Skiing.

Os praticantes de esportes de neve na Nova Zelândia costumam dizer que o país oferece uma experiência mais prazerosa do que na Europa devido ao seu relevo. Devido à grande procura por esportes de alto risco no país, é obrigatório para o visitante fazer um seguro viagem pela duração total da estadia no país. É muito importante que os esportistas pensem em fazer um seguro viagem com cobertura adicional para a prática de esportes pelo índice de acidentes em algumas modalidades.

  • Peru

O Peru oferece uma experiência menos diversa para o viajante, porém ainda muito rica em aventuras. Campeão do mundo de surf, o brasileiro Gabriel Medina, recomenda uma famosa praia do Peru para a prática de surfe. Segundo Medina, o encontro de 2 correntes no local faz com que a água tenha uma temperatura mediana para a prática do esporte durante todo o ano.

O Peru também tem grandes parques naturais em suas vastas cadeias de montanhas, o que faz do país perfeito para a prática de trilhas, rapel em cachoeira, tirolesa e até voo livre em alguns locais. Tem que se levar em conta que o acesso a certas regiões do Peru é bem restrito, e pode ser de grande importância a cobertura adicional para a prática de esportes. A prática de esportes no Peru muitas vezes se dá em regiões remotas, e numa emergência ou imprevisto, o viajante pode precisar de um translado médico. Por isso, é essencial estar coberto pelo seguro viagem durante a prática de esportes.

  • Irlanda

A princípio pode parecer estranho, mas a pequena Ilha Esmeralda possui opções para os aventureiros dos esportes radicais. A Irlanda possui regiões montanhosas que possibilitam a prática de esportes de montanha, como ciclismo de montanha, escalada e rapel em enormes paredões de pedra.

Também é bem comum a prática de paraquedismo na Ilha, portanto certifique-se que o seu seguro viagem está em dia antes de se aventurar a pular de um avião com uma mochila nas costas.

  • Cobertura para a prática de esportes

A cobertura adicional para a prática de esportes é o requisito para que o seu seguro viagem cubra suas despesas médicas causadas por acidente durante prática esportiva. A grande maioria das seguradoras oferece a cobertura para a prática de esportes, mas o viajante deve procurar se informar antes para evitar surpresas com os planos mais básicos.

O seguro viagem é extremamente útil em situações de emergência, mas de nada vai adiantar o seguro se as circunstâncias do acidente não estiverem descritas em contrato. Então, antes de ir até o destino radical, o viajante deve ler com atenção sua apólice de seguros para não ter surpresas, ou contar com um cotador online especialista nessa área, que é o www.multiseguroviagem.com.br, nesse site, você pode conversar com consultores especializados, que poderão te ajudar.

Penis cresce até quando? Como fazer o pênis crescer

Segundo pesquisas feita com 1,5 mil homens na Inglaterra atestou que o pênis pode crescer até os 21 anos. A duvida para saber até que idade o pênis cresce, geralmente aparece na cabeça de quem não tem um pênis tão avantajado.

Segundo esse estudo a curva de crescimento em extensão mostra que entre os 11 e 15 anos ocorre o que se chama de espigão do crescimento. Depois deste período a intensidade do crescimento é menor.

Conhecem as novas técnicas de aumento natural do pênis?

penis cresce idade

Pois aqui estão: extensores, pílulas e exercícios. A razão mais clara de que a melhor escolha é o aumento natural está na segurança destes métodos: não possuem efeitos secundários e contra-indicações. Ao contrário da cirurgia, os métodos de aumento natural não causam dor, marcas, cicatrizes e não necessitam internação, além disso, não deixam sequelas.

Mas obviamente os benefícios citados só são verdadeiros quando se trata de métodos de aumento natural comprovados e seguros, que estejam avaliados por especialistas e que sejam regulamentados por instituições oficiais.

Outros indicativos de que os produtos são bons, é que apresentem em suas websites bastante informação sobre a composição e ingredientes, metodologia e uso de tal método, que apresente também depoimentos de clientes e de especialistas certificando a qualidade do produto de aumento natural. Assim poderá informar-se e ter uma noção do que é melhor para si mesmo.

Sabem o que é pênis enlargment?

É o termo usando em inglês para definir o aumento do membro masculino, de agora em diante usaremos este termo, assim podemos dar aos leitores uma visão mais internacional do tema.

Nos dias atuais, as técnicas mais usadas são as naturais, pois a cirurgia estética é muito cara e não possibilita resultados significativos, já que aumenta no máximo 1.5 cm, o que é muito pouco para ter que passar por uma cirurgia estética tão complexa e arriscada como é a de pênis enlargment.

Algumas fontes também reconhecem que nem todas as pessoas podem fazer a operação de pênis enlargment porque se trata ainda de um método experimental.

Atualmente surgiu a bioplastia, que é um método de pênis enlargment exclusivo para criar espessura, neste caso é injetado um material orgânico ao redor do pênis, os resultados são visíveis logo após a aplicação do material.

Não envolve cortes ou cicatrizes, pois o material (metacril) é injetado sob a pele do pênis.

Casais transam mais nas férias

Você está louca para dar uma esquentada na relação embaixo dos lençóis? Então arrume as malas, pegue o amado e embarque em uma viagem de férias. Segundo a psiquiatra Carmita Abdo, coordenadora do Projeto Sexualidade do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo, esse é um bom caminho para quem deseja melhorar sua vida sexual. Estatísticas de pesquisadores da área indicam que, quando sai de férias, um casal transa em média 50% a mais do que na sua rotina normal.

Viajar com o parceiro melhora o sexo?

mulher fazer mais sexo

– As férias facilitam a convivência, dão aos casais mais tempo para uma relação de maior qualidade e a vontade de fazer sexo mais frequentemente é uma consequência natural – explica a especialista.

Os benefícios, contudo, são exclusivos para casais em harmonia.

– Se é um casal que está em crise, quando ficarem mais tempo juntos a tendência é que eles passem a se desentender mais – alerta.

As atribuições de um cotidiano agitado e a consequente falta de tempo para o namoro afeta a vida de homens e mulheres. Dados da pesquisa Mosaico Brasil, coordenada por Carmita Abdo, revelam que somente 15,8% dos homens e 8,7% das mulheres consideram-se satisfeitos com sua vida sexual. Uma estatística preocupante, já que quase 100% dos entrevistados apontam o sexo como importante ou muito importante para a harmonia do casal.

Se no dia-a-dia o estresse e o cansaço com o trabalho são apontados como algumas das causas responsáveis por esfriar as relações amorosas, não é de se estranhar que longe dos problemas o romance aflore.

Se quiser turbinar sua vida amorosa, você pode comprar um estimulante para a mulher, como abaixo no vídeo:

– A vida de homens e mulheres que vivem em grandes cidades costuma ser muito tumultuada. Trabalham fora, estudam, gastam uma, duas, às vezes até três horas no trânsito para se deslocarem de suas casas ao trabalho, onde permanecem, em média, de seis a 10 horas por dia, na maioria das vezes sob tensão. Além disso, ainda precisam se preocupar com as contas a pagar, em abastecer a geladeira, consertar algo que quebrou, acrescido ainda das preocupações com as necessidades dos filhos, que incluem escola, as amizades, roupas, saúde etc. Essa realidade corrida e o excesso de preocupações roubam na maioria das vezes o tempo e a energia necessários para viver a relação a dois e para investir em uma vida sexual satisfatória – analisa a psicóloga paulista Arlete, especialista em terapia sexual.

Não é à toa que lua-de-mel é praticamente um sinônimo de viagem a dois. Para namorar – não importa qual o status oficial da relação – nada melhorar do que fazer coisas diferentes, se afastar das preocupações, relaxar e aproveitar ao máximo a companhia do amado ou amada. Na equação do romance, ficar de pernas para o ar faz bem ao coração, ao sexo e, claro, à pele.

Vá para a cama com disposição

Férias é tudo de bom, mas só vem uma vez por ano. Para ficar satisfeito com sua vida sexual durante os 12 meses do calendário, o casal deve reorganizar a rotina e driblar o cansaço. É o que recomenda a psicóloga Arlete Gavranic, coordenadora dos cursos de pós-graduação em Terapia Sexual e Educação Sexual do ISEXP, de São Paulo.

– Deixar para ir deitar quando já se está cansado minimiza muito a possibilidade de o desejo surgir – exemplifica.

Segundo a especialista, o importante mesmo é valorizar o tempo que se passa com a pessoa amada, sem deixar de lado os encantos da paquera: mandar mensagens carinhosas no celular, investir nos momentos a dois, sair.

– Para os casados é imprescindível valorizar a construção dessa dinâmica na relação, e para os casais solteiros pode evitar acomodações futuras – diz.

Com o tempo e a intimidade, as palavras sussurradas ao pé do ouvido ao sabor de uma taça de vinho são trocadas por um papo menos convidativo ao romance: contas a pagar, problemas no trabalho, escola dos filhos, uma lista imensa de “coisas a resolver” que faz qualquer um sair do clima Sex in the City e mergulhar na Grande Família.

– Os casais usam as horas que passam juntos para resolver problemas domésticos. É preciso ter momentos de lazer a dois, que é o que conserva o relacionamento – resume a psiquiatra Carmita Abdo.

Incapacidade Ejaculatória, o que é

A Incapacidade Ejaculatória, também conhecida como Inibição Ejaculatória ou, ainda, como Ejaculação Retardada, é conceituada como a inibição específica do reflexo ejaculador, retardando a ejaculação ou tornando o ato difícil de acontecer (MASTERS, W. H. & JOHNSON, V. E., 1984).

Em geral, essa condição se limita à incapacidade de ejacular dentro da vagina, ocorrendo, normalmente, nos fenômenos masturbatórios.

incapacidade ejaculatoria

Trata-se de um distúrbio raro que, segundo Masters e Johnson (1984), atinge 3,33% da população clínica. E, como especialista em sexualidade humana, afirmo que as formas clínicas mais brandas são, relativamente, as mais frequentes.

A Incapacidade Ejaculatória não tem relação com a Insuficiência Erétil, uma vez que o indivíduo é capaz de manter uma ereção durante um longo período de tempo. Entretanto, devido às pressões sobre seu desempenho, em alguns casos, essa disfunção pode evoluir para um quadro de Disfunção Erétil secundária.

Muitas vezes, essa dificuldade em ejacular ou a incapacidade de fazê-la durante a relação sexual, é confundida com a Anorgasmia Masculina, mas, são realidades distintas: No caso da Anorgasmia Masculina, o homem ejacula, porém não sente as sensações de prazer orgásmico. Enquanto na Inibição Ejaculatória o homem pode permanecer até mais de uma hora numa relação sexual sem que consiga ejacular.

A Incapacidade ou Inibição Ejaculatória pode ser: Primária, quando o homem nunca vivenciou uma ejaculação durante relações coitais (forma mais frequente); ou Secundárias, quando ocorrem em determinados períodos da vida do homem.

Nesse último caso, a Incapacidade Ejaculatória é Situacional, salvo quando há homossexualidade associada, circunstância em que o indivíduo pode ser incompetente em relação à mulher, mas perfeitamente funcional em relação às pessoas de seu próprio gênero.

A Ejaculação Retardada pode ser desencadeada por várias causas, que precisam ser avaliadas, mas, em geral, têm causas psicológicas ou tem seus determinantes nela.

Masters e Johnson (1984) citam que 42% dos casos com Inibição Ejaculatória primária têm causas associadas à educação sexual castrativa, à ortodoxia religiosa e/ou ao desenvolvimento psicossocial traumático. Além disso, pode ocorrer, também, em homens que se preocupam em excesso com o prazer da(o) parceira(o) e/ou com ansiedades relacionadas ao tamanho de seu pênis. Mas, comumente são medos inconscientes relacionados à penetração.

Tratamento ou Procedimentos Terapêuticos

Não existem medicamentos nem tratamentos médicos para a Incapacidade Ejaculatória. Apenas os conhecimentos aprofundados em Sexualidade Humana e as técnicas em Terapia Sexual individual e de casal, são recursos ideais para ajudar o paciente a superar satisfatoriamente, e com certa brevidade, essa Disfunção Sexual.

É fundamental, para o sucesso do processo terapêutico, uma avaliação por meio de entrevista e de anamnese detalhada, para estabelecer um diagnóstico e levantar as possibilidades prognósticas.

Em alguns casos, é enriquecedora a presença da(o) parceira(o) na entrevista e durante o trabalho terapêutico.

A terapia sexual também permite ao homem desenvolver aprendizados que não obteve durante seu desenvolvimento psicossexual e/ou pessoal.

Referência Bibliográfica:

Tratando Impotência: https://tratandoimpotencia.pro/como-aumentar-o-pau-creme-macho-man/

MASTERS, W. H. & JOHNSON, V. E. A Reposta Sexual Humana. Roca: São Paulo, 1984.